Passa por:
Estou de volta em: AJPM (de volta)

E também por: A J P M está de regresso



Em Estremoz:
Era uma vez um Aparelho que se deitou a parir novos autarcas ao mundo.

Paríu ABORTOS!...

Os Rosinhas


No céu cinzento/Sob o astro mudo/Batendo as asas/Pela noite calada/Vem em bandos/Com pés veludo/Chupar o sangue/Fresco da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

A toda a parte/Chegam os rosinhas/Poisam nos prédios/Poisam nas calçadas/Trazem no ventre/Despojos antigos/Mas nada os prende/Às vidas acabadas

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

No chão do medo/Tombam os vencidos/Ouvem-se os gritos/Na noite abafada/Jazem nos fossos/Vítimas dum credo/ E não se esgota/O sangue da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

São os mordomos/Do universo todo/Senhores à força/Mandadores sem lei/Enchem as tulhas/Bebem vinho novo/Dançam a ronda/ No pinhal do rei

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/ As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Este Blog surge porque: Todos têm o direito de exprimir e divulgar livremente o seu pensamento pela palavra, pela imagem ou por qualquer outro meio, bem como o direito de informar, de se informar e de ser informados, sem impedimentos nem discriminações
Domingo, 25 de Setembro de 2005
Quatro anos decisivos:
Para salvar Estremoz de uma série crise de regime.

No último artigo que aqui escrevi chamei particular atenção para a forma de organização do Poder Local e para a importância primordial da Assembleia Municipal (AM) e das Assembleias de Freguesia (AF), em desprimor da Câmara Municipal (CM).

- Pensar neste momento em termos de um nome para Presidente da Câmara como o “Salvador da Pátria/Concelho”, repito-o novamente, é o pior erro que os estremocenses podem cometer.
- Concentremos os esforços de votação naqueles que para as AF e muito em particular para a AM, vão decidir o futuro de Estremoz, que a CM (os senhores Vereadores e o Presidente em Colégio de Câmara) serão obrigados a executar. E sem abusos, como sucederá se os estremocenses não impedirem a prepotência, e escolherem Heróis que se poderão transformar em Ditadores.
- A propósito da força real que tem, que deve ter, a AM, e do seu passado recente, pergunto como conduziram e em que termos intervieram nos trabalhos nos últimos tempos os membros da Assembleia? Todos o sabemos! E já agora: Miguel Raimundo e José Fateixa, dois dos actuais candidatos à CM, porque saem da AM e se candidatam à CM? Porque baixam de estatuto, trocando um lugar deliberativo por um lugar executivo? Por acaso? Ou para passar da política do deixa andar, para a do posso quero e mando?
- É necessário sangue novo na AM que lhe restitua a função que nunca assumiu. Para não cairmos numa grave crise de regime.

Se aqui me senti no direito, na obrigação e no dever de dizer “em quem não vou votar e porquê”! Muitos gostariam de saber em quem vou votar e porquê. Prefiro explicar o que penso que os estremocenses vão fazer.

i) No CDS-PP; votam aqueles que têm as suas posições conservadoras e se revêem no projecto político do Partido Popular, não irão desta vez votar no PSD porque têm uma candidatura própria, para a protecção dos seus interesses, que têm o direito democrático de defender.
ii) No PSD; votam os sociais-democratas, os que não sendo conservadores, acreditam na política do Partido Social-Democrata para o país e para o Concelho. É o direito que a democracia conquistada lhes dá. Não se esqueça Sá Carneiro antes de 25 de Abril de 1974 em plena Assembleia Nacional quando respondia ao deputado fascista Casal Ribeiro “…isto só se resolve à bomba…”.
iii) No PS; votam os que apoiam a política do Partido Socialista e muito em particular a decisão dos militantes do PS que elegeram Sócrates para as práticas a que temos assistido nos últimos tempos; e conforme: “...a escolha do cabeça-de-lista mereceu unanimidade na última reunião daquela estrutura socialista. A concelhia do PS acrescenta que estabeleceu como objectivo «a vitória nas autárquicas de 2005 no concelho de Estremoz…»”. Que sejam coerentes, mas não se queixem depois.
iv) Na CDU; votam os que têm tido a força de acreditar que as propostas do Partido Comunista defendem os seus interesses de classe explorada, que continua 35 anos após a esperança que nasceu em 25 de Abril de 1974 em Portugal e em Estremoz, onde: “…E, o que ficou? Quais foram os resultados da «caturrice» de alguns? Uma agricultura, sem dúvida, mais pobre, com uma crise, sem dúvida, cada vez mais agravada! Ficou uma cidade triste! Sem nada! Ficaram os campos desertos! Ficaram velhos! Que os novos foram-se à procura do que aqui não tinham! E, entretanto... «O arranjo do Rossio» continua a encher as páginas dos jornais...” como escrevia em 1971, o meu amigo José Sena.
v) No BE; votam os que persistem em resistir, acreditam no Bloco de Esquerda, e têm a coragem de assumir que algo está podre no Reino da Dinamarca (Estremoz) como diz no poema Manuel Alegre, por acaso um dirigente do PS que não está com o “Aparelho”. Sabe-se que são poucos! Crescerão? Tudo indica que sim, pois o descontentamento com a situação actual é grande.
vi) Nos INDEPENDENTES; votam, os que estão com o projecto da Candidatura Independente encabeçada por Normando Xarepe, é um direito que a recente alteração da legislação lhes confere. Não se devendo ignorar que têm existido historicamente listas de Cidadãos Independentes no Concelho de Estremoz.

Um apelo aos abstencionistas (penso que tenho o direito de fazer apelos?): - Votem! Não deixem que os outros decidam por vós o vosso/nosso futuro. Votem em quem lhes dê garantias de defender os princípios da liberdade que nos permite dizer NÃO! e SIM! Sem ir contra a liberdade dos outros.

AJPM

In: “Brados do Alentejo - Número 624, de 23 de Setembro de 2005”


publicado por AJPM às 03:08
link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De Anónimo a 3 de Outubro de 2005 às 00:51
A informação que possuo, foi que no final do mês de Setembro foi realizado um ESTUDO e não uma sondagem, o que também não altera nada o seu resultado final. Do que sei, foram feitas chamadas telefónicas de forma aleatória para nuúmeros da rede PT e rede CABOVISÃO, com a pergunta em quem votaria se hoje fosse dia de eleições autárquicas. Existe ainda uma sondagem particular efectuada nos dois sábados de 24 de Setembro e 1 de Outubro, onde foram questionadas 250 pessoas. Apenas sei que houve um empate técnico para o terceiro lugar entre as forças políticas CDU e Independentes. Sondagem
</a>
(mailto:sondagem@pt.pt)


De Anónimo a 1 de Outubro de 2005 às 16:14
Não dêem guita a este gajo. Ele é um "agente infiltrado" para destabilizar o sistema. Para além disso gostava em tempos idos, do tintol. Vejam lá não se metam com ele senão levam um selo na cara.Tintol do Largo
</a>
(mailto:tintol@dolago.vt)


De Anónimo a 30 de Setembro de 2005 às 01:44
Foi por uma simples coincidência e numa situação de alguns copos bebidos a mais, que um conhecido repórter da cidade "bufou" o nome deste tal de AJPM. A notícia chegou-me por email e eu não a quero divulgar mas fiquei surpreendido pá! Eu esperava outra atitude.Surpeendido
</a>
(mailto:mendes2@hotmail.com)


De Anónimo a 26 de Setembro de 2005 às 13:07
meu caro AJPM, permita-me discordar só no primeiro ponto; as eleições autárquicas têm muito mais a ver com as pessoas das listas. assim, haverá muita gente que nunca pensou votar no cds, e que vai votar na Drª Manuela Pacheco, não são só os conservadores que se revêm no cds. tenho que ser breve, fico por aqui. espero que tenha recebido a minha resposta ao seu mail.antonio jose garcia
</a>
(mailto:Antonio.Garcia@cgd.pt)


Comentar post

CONVERSE COMIGO

Citação "Real e Actual" de um Poeta e político português

«Noite. Silêncio. Lágrimas. Fantasmas

Palavras que sangrais pela raiz

como pedras cantai. Que o meu país

quer armas armas armas.»

pesquisar
 
endereço
Correio Electrónico p/AJPM
posts recentes

Estamos em 2015

E... E... E... E... E... ...

E... E... E... E... E...

E... E... E... E...

E... E... E...

E... E...

E...

E... sempre ainda mais...

E... sempre mais...

E... ainda muito mais...

E... muito mais...

E... ainda mais...

E... mais...

E ainda mais um dos sub c...

E mais um dos sub chefes ...

Mais um dos sub chefes do...

Um dos sub chefes do chef...

O Chefe da Quadrilha

Quadrilha, Governo, etc.

Ano Novo - Vida Nova

O Governo e os Media

Arte com que dinheiro?

Portugal na Fortune

Manifestação nacional

Continuam a meter-se com ...

links
links relacionados com encontro de Blogs em Alvito
ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO
Praça da República em Beja
Beja Beja
Alcáçovas Alcáçovas
A nossa casinha A nossa casinha
Ouguela Com Vida Ouguela Com Vida
Atribulações de um alentejano em directo Atribulações de um alentejano em directo
Gastr'eat' Gastr'eat'
Alvitrando Alvitrando
Mar Adentro Mar Adentro
Realpolitik Realpolitik
Santamargarida Santamargarida
TVAlentejo TVAlentejo
Amoralva Amoralva
Asul Asul
Confessionário do dilbert Confessionário do dilbert
Estranhos dias e corpo do delito Estranhos dias e corpo do delito
Fantasias Fantasias
arquivos

Março 2015

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

visitas desde 2006-05-13
www.servicont.com
blogs SAPO