Passa por:
Estou de volta em: AJPM (de volta)

E também por: A J P M está de regresso



Em Estremoz:
Era uma vez um Aparelho que se deitou a parir novos autarcas ao mundo.

Paríu ABORTOS!...

Os Rosinhas


No céu cinzento/Sob o astro mudo/Batendo as asas/Pela noite calada/Vem em bandos/Com pés veludo/Chupar o sangue/Fresco da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

A toda a parte/Chegam os rosinhas/Poisam nos prédios/Poisam nas calçadas/Trazem no ventre/Despojos antigos/Mas nada os prende/Às vidas acabadas

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

No chão do medo/Tombam os vencidos/Ouvem-se os gritos/Na noite abafada/Jazem nos fossos/Vítimas dum credo/ E não se esgota/O sangue da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

São os mordomos/Do universo todo/Senhores à força/Mandadores sem lei/Enchem as tulhas/Bebem vinho novo/Dançam a ronda/ No pinhal do rei

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/ As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Este Blog surge porque: Todos têm o direito de exprimir e divulgar livremente o seu pensamento pela palavra, pela imagem ou por qualquer outro meio, bem como o direito de informar, de se informar e de ser informados, sem impedimentos nem discriminações
Domingo, 21 de Maio de 2006
As Mãos...

Mãos há muitas!

de triste memória:  de triste futuro:  as actuais:

que destruiram, destroiem e destruirão tudo à sua passagem.

Tenham cuidado! Elas andam por aí! Não se deixem iludir.

As conversas em família já são muito velhinhas.

E há as outras; aquelas que serão o futuro de Portugal, dos Portugueses, de Estremoz e dos Estremocenses:

«As Mãos

Com mãos se faz a paz se faz a guerra. Com mãos tudo se faz e se desfaz.
Com mãos se faz o poema – e são de terra.
Com mãos se faz a guerra – e são a paz.

Com mãos se rasga o mar. Com mãos se lavra.
Não são de pedras estas casas mas
de mãos. E estão no futuro e na palavra
as mãos que são o canto e são as armas.

E cravam-se no Tempo como farpas
as mãos que vês nas coisas transformadas.
Folhas que vão no vento: verdes harpas.

De mãos é cada flor cada cidade.
Ninguém pode vencer estas espadas:
nas tuas mãos começa a liberdade.»

Elas estão aqui                       Queira o Aparelho Rosa ou não queira.



publicado por AJPM às 03:14
link do post | comentar | favorito
|

7 comentários:
De rdr a 21 de Maio de 2006 às 04:45
Mais nada, o q faz falta no poder sao os comunas! Com esses sim, o futuro ficara risonho. VIVA FIDEL CASTRO!!!!!


De AJPM a 21 de Maio de 2006 às 15:13
Abençoados os Pobres de Espírito. Deles será o Reino dos Céus.» Tenho ou não tenho razão este comentário foi escrito por "Marcelo Caetano" ou por rdr "? Qual a diferença entre o antes e o depois? O antigamente e o agora? Queira o Aparelho ou não. Não me Calarão. AJPM


De APARELHUS a 21 de Maio de 2006 às 18:19
A mim ninguém me cala!
Ao AJPM também não. Mas também quem é que o quereria calar se.... ninguém o leva a sério.


De UNHA ENCARDIDA a 21 de Maio de 2006 às 18:21
Pede ao Varge uma imagem melhor do símbolo do PS. Consta que ele faz coleção dessas coisas e o ícon que é apresentado está em muito mau estado.
Beijos


De AJPM a 22 de Maio de 2006 às 01:40
O símbolo do PS estás precisamente no estado em que está o PS! (em muito mau estado!).
E quanto a Nomes (no caso Varge, ou qualquer outro que refiram) aprendam de uma vez por todas que daqui não levam nada.
Para mim o importante é o que se faz não é quem faz, já o disse e repito as vezes que for necessário. Reparem que nunca me ouviram, nem ouvirão referir nomes para justificar ou atirar areia para os olhos dos leitores. Agora que culpa tenho eu que os membros do Aparelho do PS, que refiro (mas não a titulo individual), só façam pela vidinha?
Tenham, de uma vez por todas, se forem capazes, a capacidade de comentar o que escrevo e não divagar e procurar mascarar a realidade. Eu bem sei que o que muita gente gosta é da má língua, essa que o Aparelho do PS é perito em alimentar! E vocês (lacaios sempre obedientes aos chefes) também sabem, e gostam de aproveitar esse facto.
Mas digam lá: - É ou não verdade que as mãos de Marcelo Caetano foram de triste memória. É ou não verdade que as mãos de Sócrates são de triste futuro (perguntem aos trabalhadores portugueses que sofrem, e irão sofrer cada vês mais, na pele com as sua política neo-liberal ao serviço do capital financeiro). É ou não verdade que vocês muito gostariam de calar aqueles que dizem que “Com mãos se faz a paz se faz a guerra. Com mãos tudo se faz e se desfaz”.?
É verdade é! E depois desviam a conversa, indo buscar o Varge. Não é este o PS que os Socialistas querem.


De rdr a 22 de Maio de 2006 às 19:46
A MIM TAMBÉM NINGUÈM CALARÁ, VIVA FIDEL CASTRO!!!


De Alice a 23 de Maio de 2006 às 07:54
O que sabe você da vida se vive entrincheirado na mesma. Há quanto tempo não bebe um copo com um amigo. Amigos? que palavra tão estranha... para si. Há quanto tempo não lê um livro, não vai ao cinema ou simplesmente conversa com alguém. Reflita no que faz de útil para a sociedade diariamente. Gosta do que vê? Não basta destilar veneno nos outros querendo mudar igualmente tudo. Se quer mudar o mundo aconselho-o a olhar primeiro para. E olhe que eu não alinho em aparelhos.


Comentar post

CONVERSE COMIGO

Citação "Real e Actual" de um Poeta e político português

«Noite. Silêncio. Lágrimas. Fantasmas

Palavras que sangrais pela raiz

como pedras cantai. Que o meu país

quer armas armas armas.»

pesquisar
 
endereço
Correio Electrónico p/AJPM
posts recentes

Estamos em 2015

E... E... E... E... E... ...

E... E... E... E... E...

E... E... E... E...

E... E... E...

E... E...

E...

E... sempre ainda mais...

E... sempre mais...

E... ainda muito mais...

E... muito mais...

E... ainda mais...

E... mais...

E ainda mais um dos sub c...

E mais um dos sub chefes ...

Mais um dos sub chefes do...

Um dos sub chefes do chef...

O Chefe da Quadrilha

Quadrilha, Governo, etc.

Ano Novo - Vida Nova

O Governo e os Media

Arte com que dinheiro?

Portugal na Fortune

Manifestação nacional

Continuam a meter-se com ...

links
links relacionados com encontro de Blogs em Alvito
ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO
Praça da República em Beja
Beja Beja
Alcáçovas Alcáçovas
A nossa casinha A nossa casinha
Ouguela Com Vida Ouguela Com Vida
Atribulações de um alentejano em directo Atribulações de um alentejano em directo
Gastr'eat' Gastr'eat'
Alvitrando Alvitrando
Mar Adentro Mar Adentro
Realpolitik Realpolitik
Santamargarida Santamargarida
TVAlentejo TVAlentejo
Amoralva Amoralva
Asul Asul
Confessionário do dilbert Confessionário do dilbert
Estranhos dias e corpo do delito Estranhos dias e corpo do delito
Fantasias Fantasias
arquivos

Março 2015

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

visitas desde 2006-05-13
www.servicont.com
blogs SAPO