Passa por:
Estou de volta em: AJPM (de volta)

E também por: A J P M está de regresso



Em Estremoz:
Era uma vez um Aparelho que se deitou a parir novos autarcas ao mundo.

Paríu ABORTOS!...

Os Rosinhas


No céu cinzento/Sob o astro mudo/Batendo as asas/Pela noite calada/Vem em bandos/Com pés veludo/Chupar o sangue/Fresco da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

A toda a parte/Chegam os rosinhas/Poisam nos prédios/Poisam nas calçadas/Trazem no ventre/Despojos antigos/Mas nada os prende/Às vidas acabadas

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

No chão do medo/Tombam os vencidos/Ouvem-se os gritos/Na noite abafada/Jazem nos fossos/Vítimas dum credo/ E não se esgota/O sangue da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

São os mordomos/Do universo todo/Senhores à força/Mandadores sem lei/Enchem as tulhas/Bebem vinho novo/Dançam a ronda/ No pinhal do rei

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/ As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Este Blog surge porque: Todos têm o direito de exprimir e divulgar livremente o seu pensamento pela palavra, pela imagem ou por qualquer outro meio, bem como o direito de informar, de se informar e de ser informados, sem impedimentos nem discriminações
Sexta-feira, 31 de Março de 2006
Conhecê-la é defendê-la

No próximo dia 2 de Abril, decorrem 30 anos sobre o acto de aprovação da Constituição da República.

 

Constituição da República

Preâmbulo

A 25 de Abril de 1974, o Movimento das Forças Armadas, coroando a longa resistência do povo português e interpretando os seus sentimentos profundos, derrubou o regime fascista.

Libertar Portugal da ditadura, da opressão e do colonialismo representou uma transformação revolucionária e o início de uma viragem histórica da sociedade portuguesa.

A Revolução restituiu aos Portugueses os direitos e liberdades fundamentais. No exercício destes direitos e liberdades, os legítimos representantes do povo reúnem-se para elaborar uma Constituição que corresponde às aspirações do país.

A Assembleia Constituinte afirma a decisão do povo português de defender a independência nacional, de garantir os direitos fundamentais dos cidadãos, de estabelecer os princípios basilares da democracia, de assegurar o primado do Estado de Direito democrático e de abrir caminho para uma sociedade socialista, no respeito da vontade do povo português, tendo em vista a construção de um país mais livre, mais justo e mais fraterno.

A Assembleia Constituinte, reunida na sessão plenária de 2 de Abril de 1976, aprova e decreta a seguinte Constituição da República Portuguesa: (*)

(*) texto



publicado por AJPM às 12:19
link do post | comentar | favorito
|

Reforma do Estado põe em causa postos de trabalho

À volta de 90 mil funcionários podem ir para bolsa de disponíveis.

   Este é o ditador responsável pelos disturbios que aí vêm:

                                       

                                  

              


sinto-me:

publicado por AJPM às 00:21
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Março de 2006
Desabafo (diz-me com quem andas...)

O comunicado que aqui se reproduz foi publicado na edição nº 10006 do jornal Diário do Sul, de 28 de Março, e é subscrito pelo órgão do Partido Socialista que maiores responsabilidades políticas detém, ao nível do distrito de Évora.

Não é o Diário do Sul um jornal oficial – ou, sequer, oficioso – daquela estrutura partidária, tendo, muito pelo contrário, uma difusão pública regional muito alargada e plural e, em razão dessa natureza, social, cultural e ideologicamente transversal.

Assim sendo, ao fazer publicar num órgão de comunicação social não partidário um comunicado deste jaez (que nos abstemos de qualificar, deixando essa simples tarefa aos leitores), os caciques do PS local dão pública expressão da marca de carácter que há muito os distingue, num timbre que, genuinamente, os iguala a si próprios, apesar da elevação torpe, sempre tentada mas raramente conseguida com tal mestria, no passado.

Atente-se na sanha com que é referido o suposto inspirador dos que ousaram (sumo sacrilégio!...) disputar democraticamente a condução política da acção do partido no concelho de Évora, desafiando a sacrossanta tradição cinzenta da "lista única", o consenso deficitário e lamacento que suporta a "paz dos cemitérios" que assombra o PS local (?).

Manuel Alegre – goste-se ou não – é um destacado militante do Partido Socialista, portador de um passado que atesta a sua integridade e faz dele uma referência moral e política, atributo que nem todos se gabarão de poder ostentar.

Se, com o aludido "posicionamento" da candidatura alternativa, se pretende a sua inspiração no exemplo e nos valores democráticos e de cidadania que aquele militante socialista personifica, estamos seguros de que todos os alternantes, sem excepção (leia-se LISTA B), o assumem com orgulho, embora não se entendam as razões porque os residentes (leia-se LISTA A) têm rebuço em fazê-lo.

E não bastando a sanha, lá está também, muito mal disfarçado, um sabor amargo de vendetta, o fel destilado pela ausência de um ressarcimento qualquer, ainda que extemporâneo e ilegítimo, capaz de mitigar a clamorosa trepa acabada de sofrer pelo candidato presidencial oficial, inconformadamente sentida pelos prosélitos que entendem, assim, ser imperativa a lavagem da honra perdida com sangue correligionário: portas adentro, entre os pares, estão os inimigos... lá fora, no terreiro da luta política, onde deveriam estar os adversários, estão – quantas vezes! – os cúmplices.

Há sempre um "dito" que se ajusta, porque a sabedoria popular – ao contrário da esperteza saloia – é funda. Na minha terra, pergunta-se:

COMO É QUE SE VAI À CAÇA, COM CÃES DESTES?!...



publicado por AJPM às 23:19
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 28 de Março de 2006
Leiam os Comentários

Um convite aos visitantes deste Blog:

Leiam os comentários do Aparelho do Partido Socialista. Vejam como estão de cabeça perdida e não dizem coisa com coisa.

Limitam-se a fazer ataques pessoais ao autor deste Blog, de uma inconsistência impressionante recorrendo aos mais aberrantes métodos de intimidação.

E curiosamente sobre a capa do anonimato que tanto combateram quando o "AJPM" escreveu um artigo no "Brados do Alentejo" onde simplesmente dizia em quem não ia votar e porquê.

Fazem lembrar alguém que perdeu o telemóvel depois de enviar uma série de insultos anónimos através do mesmo.

Quando caírem o trambolhão vai ser mesmo grande.



publicado por AJPM às 23:41
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 22 de Março de 2006
Entre no Site da Câmara Municipal de Estremoz (depressa antes que seja tarde)

Antes que acabe de ser destruído pelo Aparelho do Partido Socialista visite o Site da Câmara Municipal de Estremoz Aqui. Pode ser a sua última oportunidade, não a perca.

Apagar a história é um crime praticado pelos ditadores. É este o ponto a que chegámos em Estremoz.

E pergunto, tenho que perguntar, se a Câmara Municipal é constituída por 7 elementos como é que 4 podem deixar que sejam 3 a ditar as ordens? E a Assembleia Municipal qual é o seu papel? Demite-se das suas funções?

Não deixem a minoria do Aparelho do PS servir-se de Estremoz.



publicado por AJPM às 00:59
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Terça-feira, 21 de Março de 2006
Clarifiquemos

Quem foi que...?

As respostas a estas últimas perguntas não são nominais como todos poderiam pensar à primeira vista. Não se pretende referir um cidadão em particular mas sim uma forma organizacional. Por trás destas situações escandalosas estão máquinas, como aquela que dá pelo nome de "Nomenclatura do Aparelho do Partido Socialista", cujas actuações devem ser denunciadas.



publicado por AJPM às 02:08
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Reacção da Nomenclatura

A Nomenclatura do Aparelho do Partido Socialista em Estremoz, está pior que estragada com os textos "As Verdades que vão doer". Não gostam de ouvir as verdades.

Vejam os comentários aos últimos textos "As Verdades que vão doer (I) a (IV)".

Podiam deixar o anonimato nos ataques que tentam fazer-me, era interessante verificar que quem se manifesta é a Nomenclatura do Aparelho do PS.

"para o Brados dizer mal disto e daquilo" Onde é que no Brados o AJPM disse mal de alguma coisa? Vá apontem lá uma linha onde isso suceda.

E ainda a procissão vai no adro. O melhor está para vir.

Garanto que Não me Calarão. E vou até onde for necessário ir. Aliás sabem muito bem que eu sei demais e isso deixa-os em pânico.



publicado por AJPM às 01:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Domingo, 19 de Março de 2006
As Verdades que vão doer (IV)

E há mais...

Quem foi que criou uma Associação de Desenvolvimento Local, acabando por dirigir a sua actividade essencialmente para a criação de cursos de formação, utilizando as contribuições comunitárias do Fundo Social Europeu, em beneficio próprio, de familiares e amigos?



publicado por AJPM às 09:04
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quarta-feira, 15 de Março de 2006
As Verdades que vão doer (III)

E prossigamos...

Quem foi que entrou para os quadros da Administração Pública Portuguesa tendo sido admitido para a mesma na sequência de um processo de candidatura em que omitiu dados que impediam um acesso normal?



publicado por AJPM às 14:15
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Mudança para a nova Plataforma do Sapo
Chegou o momento de proceder à transferência para a nova Plataforma de alojamento de Blogs no Sapo. Vamos ver como se comporta este novo suporte.


publicado por AJPM às 09:08
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 14 de Março de 2006
As Verdades que vão doer (II)

Então continuemos...

Quem foi que, depois de tirar o seu curso superior, recebeu honorários por serviços prestados num local onde por lei era obrigatória a sua presença sem estar, como devia, nesse mesmo local?



publicado por AJPM às 14:58
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

As Verdades que vão doer (I)

Quem foi que entregou declarações omitindo rendimentos no sentido de obter apoios do Estado Português para fazer o seu curso superior?



publicado por AJPM às 09:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Algures noutro Blog: cópia de manifestações anónimas anti-AJPM

Transcrevo de seguida comentários feitos ao Artigo "Governo prepara extinção de freguesias" publicado noutro Blog.

«Parece que da alteração no antigo concelho de Estremoz é de destacar: Sede do Concelho em Evoramonte, integração da actual freguesia de Santa Maria de Estremoz na de Sta Maria de Evoramonte. Extinção da Freguesia de Sto André juntamente com o RC3 e transferência do resto da população para Cabul no Afeganistão com a ultima unidade mobilizada do RC3 e assim sucessivamente sem cessar... O Site da moribunda CME já não tem informação e está ligado ao Castelo de Evoramonte vão lá e confirmem em http://www.cm-estremoz.pt Posted by: AJPM at março 3, 2006 08:05 PM

Tou doente e não me quero tratar Posted by: AJPM at março 8, 2006 12:37 AM

A propósito do comentário "Tou doente e não me quero tratar" quero esclarecer que o mesmo não é de minha autoria. Mais esclareço que se o cobarde que se faz passar por mim e me ataca sobre a capa do anonimato não se cala de uma vez por todas, Eu Falo e digo publicamente tudo o que sei! Nessa altura depois não diga que eu não avisei. Posted by: AJPM at março 8, 2006 01:32 AM

Tou MUITO doente e não me quero tratar Posted by: AJPM at março 13, 2006 05:25 PM

Tou MUITO doente e não me quero tratar Posted by: AJPM at março 13, 2006 05:25 PM

E acabaram os avisos! O prometido é devido! Já que insistem vou Falar e denunciar aquilo que prometi fazer se não se calassem. Entendo não dever utilizar para tal o espaço de outros Blogs, assim as denuncias vão ser feitas em: AJPM na Blogosfera ( http://ajpm.blogs.sapo.pt ). O ultimo a rir é o que ri melhor... Preparem-se para o que ai vem Posted by: AJPM at março 14, 2006 09:05 AM»

O Aparelho do Partido Socialista continua, como se constata, através de vozes anónimas que usam a minha assinatura e com ligação ao meu e-mail (destacado a vermelho), a tentar manipular a opinião pública procurando desvirtuar as verdades que o incomodam recorrendo a métodos asquerosos.



publicado por AJPM às 09:08
link do post | comentar | favorito
|

CONVERSE COMIGO

Citação "Real e Actual" de um Poeta e político português

«Noite. Silêncio. Lágrimas. Fantasmas

Palavras que sangrais pela raiz

como pedras cantai. Que o meu país

quer armas armas armas.»

pesquisar
 
endereço
Correio Electrónico p/AJPM
posts recentes

Estamos em 2015

E... E... E... E... E... ...

E... E... E... E... E...

E... E... E... E...

E... E... E...

E... E...

E...

E... sempre ainda mais...

E... sempre mais...

E... ainda muito mais...

E... muito mais...

E... ainda mais...

E... mais...

E ainda mais um dos sub c...

E mais um dos sub chefes ...

Mais um dos sub chefes do...

Um dos sub chefes do chef...

O Chefe da Quadrilha

Quadrilha, Governo, etc.

Ano Novo - Vida Nova

O Governo e os Media

Arte com que dinheiro?

Portugal na Fortune

Manifestação nacional

Continuam a meter-se com ...

links
links relacionados com encontro de Blogs em Alvito
ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO
Praça da República em Beja
Beja Beja
Alcáçovas Alcáçovas
A nossa casinha A nossa casinha
Ouguela Com Vida Ouguela Com Vida
Atribulações de um alentejano em directo Atribulações de um alentejano em directo
Gastr'eat' Gastr'eat'
Alvitrando Alvitrando
Mar Adentro Mar Adentro
Realpolitik Realpolitik
Santamargarida Santamargarida
TVAlentejo TVAlentejo
Amoralva Amoralva
Asul Asul
Confessionário do dilbert Confessionário do dilbert
Estranhos dias e corpo do delito Estranhos dias e corpo do delito
Fantasias Fantasias
arquivos

Março 2015

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

visitas desde 2006-05-13
www.servicont.com
blogs SAPO