Passa por:
Estou de volta em: AJPM (de volta)

E também por: A J P M está de regresso



Em Estremoz:
Era uma vez um Aparelho que se deitou a parir novos autarcas ao mundo.

Paríu ABORTOS!...

Os Rosinhas


No céu cinzento/Sob o astro mudo/Batendo as asas/Pela noite calada/Vem em bandos/Com pés veludo/Chupar o sangue/Fresco da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

A toda a parte/Chegam os rosinhas/Poisam nos prédios/Poisam nas calçadas/Trazem no ventre/Despojos antigos/Mas nada os prende/Às vidas acabadas

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

No chão do medo/Tombam os vencidos/Ouvem-se os gritos/Na noite abafada/Jazem nos fossos/Vítimas dum credo/ E não se esgota/O sangue da manada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

São os mordomos/Do universo todo/Senhores à força/Mandadores sem lei/Enchem as tulhas/Bebem vinho novo/Dançam a ronda/ No pinhal do rei

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Se alguém se engana/Com seu ar sisudo/E lhes franqueia/ As portas à chegada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Eles comem tudo
Eles comem tudo
Eles comem tudo
E não deixam nada

Este Blog surge porque: Todos têm o direito de exprimir e divulgar livremente o seu pensamento pela palavra, pela imagem ou por qualquer outro meio, bem como o direito de informar, de se informar e de ser informados, sem impedimentos nem discriminações
Domingo, 19 de Março de 2006
As Verdades que vão doer (IV)

E há mais...

Quem foi que criou uma Associação de Desenvolvimento Local, acabando por dirigir a sua actividade essencialmente para a criação de cursos de formação, utilizando as contribuições comunitárias do Fundo Social Europeu, em beneficio próprio, de familiares e amigos?



publicado por AJPM às 09:04
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Pravda Bratislava a 21 de Março de 2006 às 00:58
Raios partam o gajo que nunca mais tem juízo. Ele fala, mas ninguém quer saber dele. Mas alguém sabe de quem este gajo fala? Cum carago, cura-te homem e aprende de vez a seres um homenzinho. Vir para aqui ou para o Brados dizer mal disto e daquilo é de quem é COBARDE e não o é capaz de dizer cara a cara. Ainda se tivesses cara para levar um estalo. Diz abertamente de quem falas, se que tens coragem para o fazer, não andes com rodeios. FALA, FALA. Diz, não tenhas medo QUE EU TAMBÉM NÃO. Pobre pessoa. pobre de espirito. Pravda Bratislava


De Dói muito, não dói? a 22 de Março de 2006 às 01:10
Sei que a tua dor é fortr, sobretudo a de corno que é a pior de todas, para além da de cotevelo. Tens sido na tua vida, uma espécie de homosapiens erectus mas ao contrário, entendes? Talvez não entendas porque sabemos que és de difícil compreensão. O melhor conselho que te poderia dar é mesmo dizeres mal de tudo e se possível diz também mal de ti e dos que contigo NÃO conseguem trabalhar pelo mau ambiente que lhes causas. Diz que não tens amigos de infância porque esses há muito que perceberam o caminho que NÃO tens. Estamos, como sempre estivemos com um MEDO DO CARAÇAS, só de pensar que nos vais denunciar. Não almoçamos, não jantamos, não comemos as mulheres, enfim, somos trapos, fizestes de nós, uns trapos. Reconhecemos que neste contexto tu tens muia força, muita força mesmo. Tanta força, que já não és capaz de falar MAL, porque até de ti dizes MAL, pior ainda..., DIZES MAL DO MAL DO MAL. Continua a pregar aos peixes. Um dia serás alguém no reino da M....


Comentar post

CONVERSE COMIGO

Citação "Real e Actual" de um Poeta e político português

«Noite. Silêncio. Lágrimas. Fantasmas

Palavras que sangrais pela raiz

como pedras cantai. Que o meu país

quer armas armas armas.»

pesquisar
 
endereço
Correio Electrónico p/AJPM
posts recentes

Estamos em 2015

E... E... E... E... E... ...

E... E... E... E... E...

E... E... E... E...

E... E... E...

E... E...

E...

E... sempre ainda mais...

E... sempre mais...

E... ainda muito mais...

E... muito mais...

E... ainda mais...

E... mais...

E ainda mais um dos sub c...

E mais um dos sub chefes ...

Mais um dos sub chefes do...

Um dos sub chefes do chef...

O Chefe da Quadrilha

Quadrilha, Governo, etc.

Ano Novo - Vida Nova

O Governo e os Media

Arte com que dinheiro?

Portugal na Fortune

Manifestação nacional

Continuam a meter-se com ...

links
links relacionados com encontro de Blogs em Alvito
ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO
Praça da República em Beja
Beja Beja
Alcáçovas Alcáçovas
A nossa casinha A nossa casinha
Ouguela Com Vida Ouguela Com Vida
Atribulações de um alentejano em directo Atribulações de um alentejano em directo
Gastr'eat' Gastr'eat'
Alvitrando Alvitrando
Mar Adentro Mar Adentro
Realpolitik Realpolitik
Santamargarida Santamargarida
TVAlentejo TVAlentejo
Amoralva Amoralva
Asul Asul
Confessionário do dilbert Confessionário do dilbert
Estranhos dias e corpo do delito Estranhos dias e corpo do delito
Fantasias Fantasias
arquivos

Março 2015

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

visitas desde 2006-05-13
www.servicont.com
blogs SAPO